Saltar para o corpo principal da página

Site oficial da liga moçambicana de futebol

2018-11-29

Afrotaças: Sunday até marcou, mas Songo sofreu!

A União Desportiva de Songo comprometeu a pré-eliminatória de acesso à Liga dos Campeões Africanos. Perdeu diante do Nkana FC em pleno Caldeirão do Chiveve. Segunda “mão” a 5 de Dezembro próximo, em Kitwe, na Zâmbia.

Afrotaças: Sunday até marcou, mas Songo sofreu!

Contrariando até alguns ditados populares, os visitantes entraram a mandar em casa e terreno alheios, ao encostarem às cordas o adversário, buscando o golo logo cedo.

Foi até deles o primeiro lance de verdadeiro perigo, no qual Kampamba, no interior da grande área, viu Leonel a travar-lhe o remate, depois de um erro clamoroso de Amorim que, ao tentar despejar o esférico para a linha, acabou por isolar o avançado zambiano.

Aliás, porque esse foi o lance que abriu o caminho para o êxito, o Nkana FC voltou, momentos depois, a beneficiar de uma distração da defensiva contrária para visitar a baliza da UD do Songo. Desta vez com acerto.

A bola é bombeada do centro da defesa zambiana para as costas da linha defensiva do combinado nacional. Encontra um Chisala isolado que, só com Leonel pela frente, domina com o peito e elege a via área para bater o guarda-redes internacional moçambicano.

Apanhada totalmente desprevenida, a defesa do bi-campeão nacional ainda ficou a pedir um pretenso fora-de-jogo que, na óptica do árbitro assistente, não existiu. Era o 0 a 1 no marcador, o resultado à tangente com que se foi ao intervalo.

QUEM NÃO MARCA...SOFRE

Na etapa complementar, a turma da UD do Songo até tentou revogar o prejuízo. Buscou o equilíbrio e lutou pelo empate. O mais vistoso dos lances de perigo da equipa nacional foi quando Kibwe, guardião do Nkana FC, deteve um remate de belo efeito desferido por Telinho.

Porque o futebol faz sofrer quem não marca, o Nkana FC voltou a festejar a 10 minutos do apital final. À entrada da grande área, Mbewe desferiu um remate rasteiro que só foi parar no fundo das malhas de Swini – que entrou a substituir o lesionado Leonel.

Inconformada, a UD do Songo foi atrás de golo, esse de honra que só chegou no período de compensação, por intermédio de Sunday.

Com este resultado de 1 a 2, desfavorável para UD do Songo, os bi-campeões nacionais comprometeram a aspiração de seguirem rumo à fase de grupos da Liga dos Campões Africanos.

No entanto, a decisão final só será conhecida na próxima quarta-feira, 4 de Dezembro, em Kitwe, Zâmbia, local que acolherá o confronto da segunda “mão” desta pré-eliminatória.

FOTO: UD do Songo